Dicas para apresentação de pratos

A arte da culinária tem como objetivo o belo. No caso, porém, trata-se do “belo para comer”, ou seja, aquilo que é gostoso. Não confunda com o belo estético que é para ver, o bonito. Há coisas que fazemos com açúcar, por exemplo, que são apenas esculturas. Não é disso de que se trata este post. Abordaremos o gosto, o sabor.

Foto tirada no concurso de Worldskills em Calgary/Canadá 2009

 

Comemos com os olhos. A ciência provou que a preparação para a digestão começa com a visão e o olfato.

Cada cor ou figura no prato dá uma informação para nosso corpo. A gente sabe quando vê um ovo o que tem por dentro. É uma linguagem secreta dos instintos.

Aí algumas dicas para a apresentações de pratos:

Clareza – Quanto menos, melhor é! O olho define o prato. Sem perceber já existiu uma análise pelo cérebro do que tem no prato para comer. As vezes o chef quer decorar o prato mas esquece que o olho se confunde com muitas cores e estruturas num pratos só. O olho precisar ter possibilidade de ler um prato. Deixe o alimento visível e não esconda as técnicas usadas na produção. (Não cubra tudo com molho! – aproveite o molho para acompanhar não para dominar o prato)

Altura – Você pode escolher morar no segundo andar ou na cobertura. Qual é a sua escolha? A maioria vai escolher, cobertura. Um instinto antigo de proteção e poder. Deixe seu prato crescer, às vezes com uma simplicidade de dois ramos de cebolinha.

Limpeza – O olho é um sensor muito aguçado. Qualquer sujeira (como por exemplo, gordura espalhada nas bordas que brilha na luz da lâmpada, molho talhado ou demasia de elementos no prato) confunde a clareza e o efeito desejado se perde.

No mercado hoje, o chef precisa treinar e se atualizar de tempos em tempos. Revistas da área, workshops ou televisão são importantes para conhecer o interesse do público. Igual na moda.  O chef precisa de sensibilidade na finalização dos pratos.

Tem mais dicas sobre apresentações no próximo post,

bons estudos, chef alemão Heiko Grabolle.

About these ads

10 Respostas para “Dicas para apresentação de pratos

  1. Chef, postei essa matéria sobre apresentação dos pratos em meu blog! Claro que dei os créditos e os links! Se tiver problema me avise que eu retiro a publicação!

    Abraço,

    Moema

  2. Valeu, ja anotei na apostila

  3. Pingback: Dica do chef: textura no prato | Chef Heiko Grabolle

  4. Chef que prato mais lindo ! Que carinho !

  5. ola gostei vou postar no meu imail !!!!

  6. Como posso fazer um curso ?

  7. Muito bom Chef, as vezes nos esquecemos que menos é mais, portanto o excessos de informação cria uma alegoria de escola de samba. Quando se vê um prato ele tem que te dar vontade de comer e não de decifra-lo.
    Um abraço.

  8. joao batista da silva neto

    Gostei da dica Chef, vou participar de um campeonato e sua dica me inspirou muito. obrigado

  9. muito bom chef!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s